Seguro de Vida Quanto Recebe

Está buscando por um seguro de vida? Saiba que hoje, estes serviços estão entre os mais procurados nas principais seguradoras do Brasil. Existem muitas delas com planos pessoais e para empresas, que oferecem coberturas e flexibilidade para a inclusão de serviços adicionais.

Porém estas opções também podem representar um gasto desnecessário se não forem incluídas de maneira inteligente. A dica para quem vai contratar um seguro de vida é buscar fazer uma avaliação para entender mais sobre as suas reais necessidades, evitando que tenha que arcar com o valor de coberturas que não serão úteis.

publicidade

As apólices são meios eficientes de garantir mais tranquilidade aos contratantes de que a estabilidade financeira de sua família será garantida caso ele venha a sofrer algum acidente que o leve a óbito ou haja uma morte por causas naturais.

Destacamos também a necessidade de se informar com a empresa prestadora de serviços quanto as cláusulas referentes aos riscos não incluídos e não passíveis de indenização. Dependendo do plano contratado, as mensalidades a serem pagas podem ser altas, e você não vai querer ter que arcar com multas por rescisões de contrato, não é mesmo? Reunimos várias informações interessantes para te ajudar a entender como os seguros de vida funcionam e as maneiras utilizadas para cálculos de indenizações.

publicidade

seguro-de-vida-quanto-recebe

Em casos de morte do segurado, a empresa que foi contratada é obrigada a fornecer os serviços que foram combinados na apólice, muitas delas incluem auxílio funeral, cestas básicas, e a própria indenização para permitir a reestruturação financeira da família.

Seguro de Vida Quanto Recebe

O seguro de vida é um serviço direcionado a oferecer suporte financeiro aos familiares e dependentes do segurado titular em caso de morte por acidentes ou provenientes de causas naturais.

Lembre-se que os preços e as taxas cobradas variam de acordo com as coberturas que você selecionar. Busque sempre fazer uma avaliação daquilo que é realmente necessário e conversar com a empresa para tentar remover o que não lhe faz falta.

O cálculo da indenização é feito de acordo com a idade, no entanto, várias seguradoras se limitam a oferecer serviços para pessoas com no máximo 65 anos, embora existam planos voltados para clientes com idades de até 80 anos, não são tão comuns, mas existem.

Os valores mais procurados nas apólices variam de R$200.000,00, R$500.000,00 e até mesmo R$1 milhão. A média é que ao contratar serviços com indenizações nos valores de R$200.000,00 o cliente pagará cerca de R$70,00 por mês, para os valores de R$500.000,00 e R$1 milhão, as mensalidades variam entre R$100,00 e R$130,00, respectivamente.

Os valores destacados aqui não consideram muitas variáveis, existem alguns fatores bem determinantes para se chegar ao valor pago por mês como as condições de saúde do segurado, fatores de risco, entre outros mais.

Por isso as apólices que que indenizam com R$1 milhão, por exemplo, aos 30 anos de idade custando R$130,00/mês, podem chegar até R$700,00 aos 50, caso o contratante possua condições de saúde mais delicadas.

Os preços muitas vezes são fatores determinantes para a escolha das seguradoras, mas não é apenas isto que deve ser levado em consideração na hora de escolher um serviço, você deverá avaliar as condições e coberturas nas suas pesquisas onde poderá encontrar variações nos valores de até 700%!

Sobre os beneficiários

O titular pode incluir beneficiários e dependentes sempre que julgar necessário, assim como a substituição deles por outros quantas vezes desejar. Entretanto, em casos em que não houver a indicação de beneficiários, o valor será pago ao cônjuge não separado judicialmente e o restante aos herdeiros legais.

Muita gente não sabe, mas há uma diferença entre o seguro de vida e o seguro de acidentes pessoais, sendo que o primeiro cobre eventos como morte natural e acidentes, e o segundo, apenas paga indenização para acidentes previstos no contrato. Por esse motivo, os seguros de acidentes pessoais são mais acessíveis financeiramente em relação aos seguros de vida.

seguro-de-vida-quanto-recebe-1

No caso de suicídio, os beneficiários têm direito a indenização? Está é uma questão muito interessante, mas saiba que especificamente neste caso, a situação de suicídio pode ser equiparada a acidente pessoal e está presente nas cláusulas dos seguros de vida. Porém, para que o pagamento da indenização seja feito, é exigida a carência de no mínimo 2 anos.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Seguro de Vida Quanto Recebe
publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *